top of page
Buscar
  • webelosocial

CONSORCIO INER - Assembleia Geral 18 de Setembro de 2023

Atualizado: 18 de set. de 2023


MUDANÇA DE FASE - É chegada a hora de mudarmos a forma de tratarmos o Consórcio Empresarial INER, deixando o de vê-lo como uma atividade filantrópica que ele nunca foi, para o vermos como um grupo empresarial que ele sempre foi. (Início da Gravação 14:05 hs)


Observação: Trata-se na verdade de uma assembleia geral, pois nela será declarada a mudança de fase, ou seja, até a data de 18 de setembro de 2023, éramos um projeto lançado pela CESB – Confederação do Elo Social Brasil e agora somos o Sistema INER de resíduos sólidos, através do Consorcio INER, sendo assim, temos que seguir o nosso caminho e vocação que não é social e sim empresarial.


ROTEIRO DA ASSEMBLEIA:

Primeiramente iremos agradecer a pontualidade e dizer que a tolerância para o início com o de praxe será de 5 (cinco) minutos, após o que daremos início aos trabalhos, sendo que aqueles que entrarem fora do horário, favou entrar com o microfone desligado e respeitar os que já na sala estava. (desculpas podem ser dadas na resenha depois dom término)


DAS RESENHAS:


Todas as nossas reuniões e assembleias, terão uma resenha inicial de 20 (vinte) e por este motivo, sempre abriremos a sala antes para que se tragam temas importantes a serem debatidos que não fizeram parte da pauta, porém, não se deve abordar temas da pauta.


Após o término da reunião teremos uma resenha sem tempo de duração onde os participantes poderão se estenderem em assuntos paralelos até o momento que acharem necessário, mas a presença será facultativa.


Abertura da Assembleia: Fala do presidente Jomateleno dos Santos Teixeira, comunicando a mudança de fase das atividades do Consorcio Empresarial INER e enfocando os temas a seguir:


a) – Da necessidade de desvencilhar o Consorcio INER, do Elo Social Brasil

b) – Da necessidade da Abertura oficial do Consorcio INER nas repartições públicas.

c) – Da necessidade de contratarmos, um contador para tal tarefa acabando de vez com o sacerdócio dentro de nossas atividades empresariais, já que, ela até pode existir dentro de um projeto e de uma instituição social, mas em uma atividade empresarial, como é o nosso caso atreves do Consórcio Empresarial INER, não podemos ter sacerdócio.

d) – Da responsabilidade que cada cargo junto a diretoria terá que ter.

e) – Da pontualidade e comprometimento para com os vencimentos das despesas mensais de manutenção das atividades comerciais do consorcio.

f) – Da necessidade de termos funcionários exclusivos na área de web designer (para manter os portais de internet), departamento financeiro (para manter a atualização no dia a dia os orçamentos) e um secretario para manter a rotina do dia a dia.

g) – Da necessidade de termos uma sede física e telefone dedicado, para atendimento dos interessados em adquirir serviços e equipamentos, vez que o Elo Social, não é e nunca foi vendedor de equipamentos e serviços, sempre foi apenas o idealizados do projeto.


QUEM REAMENTE SOMOS:


Nós somos um grupo de empresas que se uniram com o objetivo de dar vida a um projeto da CESB – Confederação do Elo Social Brasil, criadora do Projeto “Lixo Zero Social 10”, através do Sistema INER de resíduos sólidos, mas na verdade somos:


A) - Empresas do ramo de Assessoria.

B) – Indústrias do seguimento de metalurgia.

C) – Fabricantes de assessórios e equipamento.

D) – Empresas do ramo de comercio.

E) – Empresas do ramo de construção civil

F) – Empresas do ramo de Importação e exportação.

G) – Marketing e publicidade.

H) – Profissionais em diversas áreas tais como de: engenharia, arquitetura, economia, contabilidade, aprovação ambiental, desenvolvimento de projetos, importadores de equipamentos.


SUGESTÕES DADAS PELO PRESIDENTE:


A) - Primeiramente atualização de todos os orçamentos, para que um departamento comercial possa ser criado, pois sem valores não tem vendas.

B) – Após apresentação dos orçamentos, sejam os mesmos alinhados em porcentual de lucratividade para com os custos de manutenção do consorcio, vez que não podem estar atrelados ao faturamento bruto, já que, todos tem encargo, matéria prima e despesas.


FINAL DA ABERTURA DA ASSEMBLEIA:

Com este final Jomateleno dos Santos Teixeira, atual presidente do Consorcio Empresarial INER, colocará o cargo a disposição, passando a palavra para quem quiser usar, ficando claro que poderá voltar ao cargo de presidente se assim a maioria preferir, mas que não aceita de forma nenhum acumular o cargo de diretor financeiro.


TÉRMINO DA GRAVAÇÃO: Com este pronunciamento, Jomateleno dos Santos Teixeira, deixará a assembleia por uma questão ética, vez que sua gestão deverá ser avaliada pelos presentes e sua presença poderia inibir alguma conclusão divergente.





118 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page